Quem sou eu

Minha foto
Sou graduada em nutrição pela UNISINOS e pós-graduada em nutrição esportiva pela UGF/RJ. Formada em Florais de Bach, pelo Instituto Dr. Edward Bach. Cursos de extensão em Nutrição Funcional pelo Centro Brasileiro de Nutrição Funcional. Ganhadora de cinco prêmios de qualidade empresarial e profissional Agência Focus, na categoria nutricionista. Nutricionista com mais de 13 anos de experiência clínica em atendimentos voltados para o emagrecimento e qualidade de vida. Coach formada em Life Coach, Coaching Executivo Humanizado, Seis Necessidades Básicas Humanas & Empresariais Aplicadas, Coaching Educacional, Oratória Avançada - método Vanessa Tobias Coaching - Florianópolis/SC. Criadora do método de Coaching Nutricional – Leve Mente.

quarta-feira, 21 de março de 2012

Sucesso Profissional - atitudes

Olá pessoal
Primeiramente quero agradecer a todos amigos, seguidores e pacientes que torcem pelo meu sucesso - gente tá dando certo!!! hehehe
Acabei de ler uma matéria no site da revista Você S/A, que fala sobre as atitudes do profissional de sucesso.

Confira.

1 Ter consciência de suas fortalezas e de suas fraquezas, ou seja, desenvolver apurado autoconhecimento. A percepção que temos de nós mesmos pode ser distorcida, por isso, é necessário frieza e fazer uma autoanálise rigorosa e realmente honesta sobre nossas competências.

2 Ter dedicação extrema, incansável e eficiente. Muita gente se engana contando a dedicação apenas por horas, e não por eficiência. O tempo investido em um projeto deve ser maximizado para obter resultados, independentemente da quantidade de horas gastas.

3 Ser criativo para transpor os obstáculos que aparecem pelo caminho. O que distingue o profissional criativo dos outros é sua atitude em relação aos problemas. O criativo direciona sua energia para a solução. Não fica paralisado, lamentando o problema.

4 Ter foco ao definir os objetivos e não confundi-los com sonhos, pois objetivos devem ser coerentes com suas habilidades e limitações. Ao contrário dos sonhos, objetivos são tangíveis, pertencem à realidade e têm características muito claras: são específicos, são mensuráveis, são planejados, são flexíveis e têm prazo para serem atingidos.

5 Ter a capacidade de identificar oportunidades menores e não deixar as grandes chances passarem por medo de fracassar. Para saber se uma situação pode impulsionar sua carreira ou seus negócios, verifique se a situação leva você para mais perto de seu objetivo.

6 Desenvolver e manter uma rede de contatos. Se você quiser ficar bem no mundo corporativo, precisará estar rodeado de aliados. Conhecer pessoas-chave é a meta final, o alvo do networking.

7 Saber se posicionar. A maneira como você se apresenta e se posiciona vai comunicar se você é um vencedor ou um perdedor. Assim como um produto, um profissional precisa ter um posicionamento claro e alinhado com suas fortalezas. Quem tenta ser tudo demonstra um posicionamento confuso.

quinta-feira, 15 de março de 2012

Coaching - Saiba mais!

O verdadeiro Coach

Quais são os resultados esperados? Seus desafios são oportunidades para você desenvolver o quê? O que vai gerar impacto mais positivo? Como você pode agregar valor para alcançar melhores resultados? O que te impede? Esta ação vai nos levar mais perto ou mais longe da meta? Qual a solução? Qual o próximo passo? Perguntas como estas, são utilizadas pelo coach que é um profissional cada vez mais contratado pelas empresas para apoiar seus profissionais no desenvolvimento de competências para alcançarem metas estratégicas.

Foi-se o tempo em que as organizações investiam no treinamento e desenvolvimento apenas para os profissionais despreparados. Atualmente, o desafio está em descobrir como podemos fazer melhor e alcançarmos melhores resultados. Sendo assim, as instituições perceberam que uma alternativa é investir em programas de coaching para explorar ainda mais o potencial dos seus líderes e equipes de trabalho. Esse modelo de desenvolvimento ganhou visibilidade e hoje é visto por muitos como essencial pelos seus resultados práticos.

Traduzido para o português, coach significa treinador. É ele o responsável por provocar no cliente uma evolução, estimulando-o e dando-lhe apoio e suporte para que este possa alcançar os objetivos e desenvolver competências para obter melhores resultados. Esse profissional tem por objetivo enaltecer as melhores qualidades daquele que o contrata, para isso, ele faz uma série de questionamentos com a intenção de estimular o cliente a encontrar alternativas e entrar em ação imediatamente para alcançar metas.

Que este processo de desenvolvimento é confiável, não se pode negar. Prova disto é a pesquisa divulgada pela International Coach Federation (Federação Internacional de Coach), em julho de 2009. Os dados do estudo relataram que 86% das empresas que usam ou usaram o programa de coaching obtiveram um retorno de 100% sobre o investimento inicial, além de um grande impacto no alcance das metas estabelecidas para seus clientes. Este foi o primeiro estudo mundial de clientes que aderiram ao serviço.

Quando uma empresa contrata um programa de coaching, significa que ela está investindo também no desenvolvimento pessoal de cada colaborador, resultando em uma maior satisfação e produtividade nas atividades realizadas no ambiente de trabalho. O profissional dessa área pode ajudá-lo a reconhecer os seus talentos, traçar planos de ação para alcançar melhores resultados e, até mesmo, prepará-lo para conquistar uma posição mais elevada.

A pesquisa também revela a satisfação por parte dos clientes com o serviço prestado pelos profissionais de coach. Aproximadamente 83% das instituições entrevistadas afirmaram estar muito satisfeitas com os resultados da experiência com coaching e não é à toa que 96,2% planejam repetir o programa.

Por Carlos Cruz - Matéria do site: http://www.carreirafashion.com.br/site/conteudo/default.asp?ID_lateral=99&ID=180

Conheça meu trabalho que alia o Coaching a Nutrição - Marque sua consulta e potencialize seus resultados!

Abraços DANI

quinta-feira, 8 de março de 2012

CONSUMO DE PEIXE REDUZ RISCO DE TUMORES CANCERÍGENOS EM MULHERES

CONSUMO DE PEIXE REDUZ RISCO DE TUMORES CANCERÍGENOS EM MULHERES

Uma pesquisa publicada neste mês no periódico científico American Journal of Clinical Nutrition revela que o consumo de pelo menos três porções de peixe por semana reduz o risco de mulheres desenvolverem tipos específicos de pólipos de cólon — que podem evoluir para câncer colorretal (CCR). Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) indicam que o câncer no cólon e no reto é o terceiro tipo mais incidente em todo o mundo. No Brasil, as regiões Sul e Sudeste são as que apresentam mais casos da doença. O Rio Grande do Sul, estado com o maior número de portadores, tem, aproximadamente, 27 casos a cada 100 mil homens e 27,6 a cada 100 mil mulheres.

Os pesquisadores do Vanderbilt-Ingram Cancer Center, dos Estados Unidos, justificam que a gordura ômega-3, presente em peixes como atum, sardinha e salmão, é capaz de diminuir a inflamação no corpo e ajudar a protegê-lo contra a doença. Para chegar à conclusão do estudo, cerca de 5,3 mil pessoas se submeteram à colonoscopia — exame endoscópico do intestino grosso indicado para diagnosticar tumores iniciais e detectar doenças inflamatórias no intestino e outras patologias. Durante a pesquisa, os participantes revelaram com que frequência consumiam peixes. Também foram analisadas amostras de urina para encontrar biomarcadores — instrumentos que identificam uma substância tóxica ou condições adversas antes que haja danos à saúde.

Fonte: Correio Braziliense